Governo de Goiás

Superintendência de Vigilância em Saúde

Procure o que você precisa:
Domingo, 16 de Junho de 2019
Notícias
Ações da SES-GO educam e previnem contra turbeculose
21/03/2019 07h36 - Atualizado em 28/03/2019 14h40

Atividades pelo dia mundial da doença (24 de março) começam nesta quinta-feira, 21, em Aparecida de Goiânia, e seguem até dia 26, na Faculdade de Medicina da UFG

As Superintendências de Vigilância em Saúde (Suvisa) e de Políticas de Atenção Integral à Saúde (Spais) da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) realizam uma série de atividades em referência ao Dia Mundial de Luta contra Tuberculose, lembrado no dia 24 de março. O objetivo é chamar atenção para a doença, que, embora seja passível de prevenção, tratamento e cura, está entre as dez principais causas de morte no mundo. Só no Brasil são cerca de 4,7 mil vítimas por ano.

A primeira ação ocorre nesta quinta-feira, 21, na Praça da Família em Aparecida de Goiânia, das 9h às 16hs, quando serão realizados trabalhos educativos, orientando a comunidade local sobre os sintomas da doença e o que deve ser feito para evitar sua propagação e buscar sua cura. Haverá ainda um microônibus no local, para a realização de teste rápido de sífilis, HIV, hepatites e coleta de material para diagnóstico de tuberculose.

As atividades se seguem (veja quadro abaixo) até 26 de março, quando será realizado o seminário “Tuberculose, um desafio persistente”, com a participação de especialistas e pesquisadores da área e integrantes da Coordenação Nacional de Tuberculose do Ministério da Saúde. O seminário será realizado das 19h30 às 21h30, no auditório da Faculdade de Medicina (UFG).

São parceiros da SES-GO nessas ações a Sociedade Goiana de Pneumologia e Tisiologia, Sociedade Goiana de Infectologia, Conselho Regional de Medicina, Ministério da Saúde, Laboratório Central de Saúde Pública da SES, Buriti Shopping, Secretaria Municipal de Saúde de Aparecida de Goiânia e a Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiânia (UFG).

Doença infectocontagiosa

A tuberculose é uma doença infectocontagiosa, causada pelo Mycobacterium tuberculosis (bacilo de Koch), que afeta principalmente os pulmões, mas também pode afetar ossos, rins e meninges. Segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), um terço da população está infectada pela bactéria e em risco de desenvolver os sintomas. São cerca de 8,8 milhões de doentes e 1,1 milhão de mortes por ano no planeta. O Brasil ocupa o 17º lugar entre os 22 países responsáveis por 82% do total de casos. Em Goiás, no ano passado, foram registrados 970 casos. Este ano, já são 14 registros.

Cada paciente sem tratamento pode infectar em média 10 a 15 pessoas por ano.  São fatores que contribuem para a disseminação da tuberculose, entre outros, aids, desnutrição, más condições sanitárias e alta densidade populacional. Uma das medidas preventivas e de controle importantes é a busca ativa dos casos em indivíduos com tosse há três semanas ou mais, com ou sem catarro. É importante também que todas as pessoas que tiverem contato com portadores da doença procurem uma unidade básica de saúde para serem examinados.

A tuberculose tem cura, se for feito corretamente o tratamento, que dura de seis a nove meses, dependendo da forma clínica apresentada pelo paciente. O tratamento não pode ser interrompido. Durante esse período, a pessoa pode trabalhar e levar uma vida normal devido à eficácia dos medicamentos. Somente em casos graves o paciente necessita de internação. A vacina contra a tuberculose é a BCG, composta pelo bacilo de Calmette-Guérin.

PROGRAMAÇÃO

Dia 21 – Das 9h às 16h, na Praça da Família em Aparecida de Goiânia, trabalhos educativos, com orientação à comunidade local sobre os sintomas da doença e o que deve ser feito para evitar sua propagação e buscar sua cura. Realização teste rápido de sífilis, HIV, hepatites e coleta de material para diagnóstico de tuberculose, em microônibus no local.

Dia 22 – Das 10h às 15h, no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), roda de conversa e distribuição de fôlderes informativos sobre os sinais e sintomas da doença e informações sobre biossegurança.

Dia 25 – Das 9h às 16h, no hall de entrada do Hospital das Clínicas da UFG, equipes do Programa Estadual de Controle da Tuberculose da SES-GO e da Faculdade de Enfermagem da UFG darão orientações gerais e distribuirão material educativo sobre a doença.

Dia 26 – Das 19h30 às 21h30, no auditório da Faculdade de Medicina – UFG, seminário “Tuberculose, um desafio persistente”, com especialistas e pesquisadores na área.

José Carlos Araújo e Maria do Rosário Mesquita, da Comunicação Setorial

Avenida 136, Qd. F-44 Lts. 22 e 24, Edifício César Sebba, Setor Sul, CEP 74093-250 - Goiânia/GO

© Copyright 2012. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento